É O JUDEU (e não o não-judeu) QUEM DEFINE O QUE É JUDEU E QUEM É JUDEU.

É O JUDEU (e não o não-judeu) QUEM DEFINE O QUE É JUDEU E QUEM É JUDEU.
OS JUDEUS SÃO OS QUE SABEM QUEM É JUDEU E QUEM NÃO O É.
É O JUDEU (e não o não-judeu) QUEM DEFINE O QUE É JUDEU E QUEM É JUDEU.

http://www.pt.chabad.org/library/article_cdo/aid/1216626/jewish/Quem-Judeu.htm


______________________________________________________________________________


[Blog (todo) revisado em 17/10/13.]

"[Em breve,] toda a Terra estará repleta do conhecimento de HASHEM, assim como as águas cobrem o mar."
- Ieshaiáhu (Livro Judaico do Profeta Judeu Isaías) 11:9

A vida é um aprendizado para todos, sem exceção, sempre, e para sempre. E se aprende ou pelo amor ou pela dor.
- O Blog

"O judaísmo identifica-se como um ato de D-us na história da humanidade."
- Herman Wouk

"Os 10 Mandamentos foram uma revelação única na história da humanidade. [Ela foi] ouvida por todo o povo judeu (aproximadamente 3 milhões de pessoas) aos pés do Monte Sinai ... . Israel é o povo que revela a vontade de D-us. Tem por tarefa e objetivo ser o coração da humanidade, uma fonte de vida espiritual para os outros povos."
- Raphael Shammaho

"Feliz é a nação cujo D-us é HASHEM, o povo que 'ELE' escolheu para Sua propriedade. Pois D-us escolheu Yaacov para SI, Israel como Seu tesouro. Feliz é o povo cujo D-us é HASHEM."
- Tehilim (Livro Judaico dos Salmos) 33:12; 135:4; 144:15

"Envia Tua luz e Tua verdade, que elas me conduzam; elas me trarão ao monte do Teu Santuário [o Judaísmo] e às Tuas moradas [os judeus]. Então ... eu Te louvarei ..., ó D-us, meu D-us!"
- Tehilim (Livro Judaico dos Salmos) 43:3, 4

domingo, 7 de novembro de 2010

8 evidências de que mashiach ainda não veio em 1 único capítulo

Em um único capítulo da bíblia judaica ou Tanach, encontramos 8 (oito) evidências de que o mashiach ainda não veio, pois são 8 acontecimentos que, obviamente, ainda não foram cumpridos. Este capítulo é o 37 de Iechezkel (Ezequiel), e as 8 evidências são:

1. A Ressurreição dos mortos (versículos 12 ao 14);

2. A Reunião de todos os judeus do mundo inteiro na Terra de Israel, e lá morarão eternamente (versículos 15 ao 22 e 25);

3. Purificação do Povo de D’US, fim do pecado (versículo 23);

4. Reino Eterno do mashiach, descendente do Rei David (versículos 22, 24 e 25);

5. Não é apenas o Reino estabelecido pelo mashiach que é eterno, mas o próprio mashiach não morrerá, como está escrito: “será seu [do povo judeu] príncipe para sempre” (versículo 25);

6. O Povo judeu não mais transgredirá as Leis de D’US (versículos 23, 24 e 27);

7. Aliança Divina Eterna de paz total (versículo 26);

8. A reconstrução do Templo, Templo existirá para sempre (versículos 26 e 28).

Como qualquer pessoa pode bem constatar, NUNCA houve na História (nem no 1º século da nossa era, nem em 1914, nem em nenhuma outra data, qualquer que seja), um Rei judeu na Terra de Israel chamado Jesus ou Yeshua, e ainda que tenha estabelecido o Reino Messiânico, e que tenha inaugurado a Era Messiânica, cumprindo assim todas as denominadas profecias messiânicas. Portanto, é evidente, é óbvio, que o verdadeiro mashiach ainda está por vir.