É O JUDEU (e não o não-judeu) QUEM DEFINE O QUE É JUDEU E QUEM É JUDEU.

É O JUDEU (e não o não-judeu) QUEM DEFINE O QUE É JUDEU E QUEM É JUDEU.
OS JUDEUS SÃO OS QUE SABEM QUEM É JUDEU E QUEM NÃO O É.
É O JUDEU (e não o não-judeu) QUEM DEFINE O QUE É JUDEU E QUEM É JUDEU.

http://www.pt.chabad.org/library/article_cdo/aid/1216626/jewish/Quem-Judeu.htm


______________________________________________________________________________


[Blog (todo) revisado em 17/10/13.]

"[Em breve,] toda a Terra estará repleta do conhecimento de HASHEM, assim como as águas cobrem o mar."
- Ieshaiáhu (Livro Judaico do Profeta Judeu Isaías) 11:9

A vida é um aprendizado para todos, sem exceção, sempre, e para sempre. E se aprende ou pelo amor ou pela dor.
- O Blog

"O judaísmo identifica-se como um ato de D-us na história da humanidade."
- Herman Wouk

"Os 10 Mandamentos foram uma revelação única na história da humanidade. [Ela foi] ouvida por todo o povo judeu (aproximadamente 3 milhões de pessoas) aos pés do Monte Sinai ... . Israel é o povo que revela a vontade de D-us. Tem por tarefa e objetivo ser o coração da humanidade, uma fonte de vida espiritual para os outros povos."
- Raphael Shammaho

"Feliz é a nação cujo D-us é HASHEM, o povo que 'ELE' escolheu para Sua propriedade. Pois D-us escolheu Yaacov para SI, Israel como Seu tesouro. Feliz é o povo cujo D-us é HASHEM."
- Tehilim (Livro Judaico dos Salmos) 33:12; 135:4; 144:15

"Envia Tua luz e Tua verdade, que elas me conduzam; elas me trarão ao monte do Teu Santuário [o Judaísmo] e às Tuas moradas [os judeus]. Então ... eu Te louvarei ..., ó D-us, meu D-us!"
- Tehilim (Livro Judaico dos Salmos) 43:3, 4

sábado, 11 de dezembro de 2010

Lago de fogo para os inimigos do mashiach e do Povo de D'US?

Direto e simples: a crença no lago de fogo (eterno) é exclusivamente neotestamentária jesuânica/yeshuânica e, portanto, excluída (inexistente) da bíblia judaica ou Tanach e do Judaísmo.

Uma explanação deste tema se encontra no tópico:

Arrebatamento para o Povo de D'US?

Direto e simples: a crença no arrebatamento é exclusivamente neotestamentária jesuânica/yeshuânica e, portanto, excluída (inexistente) da bíblia judaica ou Tanach e do Judaísmo.

Sendo a bíblia judaica, judaica, o Povo de D'US só pode ser os judeus, e não se diz em nenhum lugar dela que eles serão arrebatados, que na vinda do mashiach eles irão para o céu. Diz sim que eles serão ajuntados em um lugar, mas não no céu, e sim na Terra de Israel.

Uma explanação deste tema se encontra no tópico:

O mashiach sem céu nem inferno

O mashiach não vem para levar alguém para algum céu ou para enviar alguém para algum inferno. Em Nenhum lugar da bíblia judaica ou Tanach a vinda do mashiach está associada a um céu e/ou a um inferno. Esta é uma perspectiva neotestamentária e, portanto, jesuânica/yeshuânica, Inexistente na bíblia judaica ou Tanach e no judaísmo. É Inadmissível na bíblia judaica ou Tanach as crenças no arrebatamento e no lago de fogo (eterno). Veja os tópicos:



O que acontecerá ao Povo de D’US na vinda do mashiach? E o que acontecerá aos inimigos do Povo de D’US na vinda do mashiach?
Na vinda do mashiach, para o Povo de D’US nada de (suposto) céu, e para os inimigos do Povo de D’US nada de (suposto) inferno.
O propósito da vinda do mashiach é ser Rei, é estabelecer um reino, é reinar sobre todo o Povo de D’US em conjunto na Terra de Israel (o que Nunca foi realizado por Jesus).

“Aproximam-se os dias – diz [ADONAI*] – quando escolherei, dentre os rebentos de David, um justo que os governará como rei, que prosperará e saberá praticar justiça e retidão na terra. Em seus dias Judá será redimida e Israel viverá em segurança, e o nome pelo qual será chamado significará ‘[ADONAI*] é nossa retidão.”
Irmiáhu (Jeremias) 23:5, 6

“E o Meu servo [mashiach descendente de] David será rei sobre todos eles [Judá e Israel],... e habitarão na terra que dei ao Meu servo Jacob,... e Meu servo [mashiach, descendente de] David será seu príncipe para sempre.”
Iechezkel (Ezequiel) 37:24, 25

“Ele [mashiach] construirá o Templo de [ADONAI*], estará coberto de glória e sentará como governante em seu trono”.
“Eis que para ti [filhas de Tsión e Jerusalém] se encaminha teu justo rei, triunfante por suas vitórias, mas ao mesmo tempo comportando-se com humildade”.
Zechariá (Zacarias) 6:13; 9:9

“[Deus] dirá: ‘Eu ungi o Meu rei [mashiach], sobre Tsión, Meu santo Monte.’”
“A teus pés [os do mashiach] se submeterão muitos povos. Teu trono, estabelecido por Deus, é eterno, e retidão é o cetro da tua realiza.”
Tehilim (Salmos) 2:6; 45:7

Na vinda (única) do Rei judeu mashiach, todo o Povo de D’US, os judeus, serão ajuntados na Terra de Israel.

“Naqueles dias, as Casas de Judá e Israel caminharão juntas e sairão das terras do norte e virão à terra que dei por herança a seus pais.”
Irmiáhu (Jeremias) 3:18

“Assim disse [ADONAI*] dos Exércitos: Hei de salvar Meu povo do país do oriente e do país do ocidente! E Eu os trarei para que vivam em Jerusalém; serão Meu povo e Eu serei seu Deus, em verdade e justiça.”
Zechariá (Zacarias) 8:7, 8

“Portanto, diz-lhes: Assim disse [ADONAI*] Deus: Hei de recolher-vos de todos os povos e de todos os países por onde fostes dispersos, e vos tornarei a dar a terra de Israel.”
“Assim disse [ADONAI*] Deus: Quando tiver recolhido a Casa de Israel dentre os povos onde estão dispersos, e os tiver santificado à vista das nações, habitarão em sua própria terra que foi dada por Mim a Meu servo Jacob.”
“Porque assim disse [ADONAI*] Deus: Eis que Eu mesmo buscarei Minhas ovelhas e as reunirei. E as recolherei dentre os povos de sua dispersão, as trarei dos países para onde foram, voltarei a reuni-las em sua própria terra e... saberão que Eu, [ADONAI*], seu Deus, estou em seu meio, e que eles, a Casa de Israel, são o Meu povo – diz [ADONAI*] Deus.”
Iechezkel (Ezequiel) 11:17; 28:25; 34:11, 13, 30

Eles (os judeus, sob o Reino do mashiach,) se empenharão no Conhecimento e Devoção Unificados de D’US, o que resultará em verdadeira e definitiva paz eterna.

“Assim disse [ADONAI*] Deus: Eis que tomarei os filhos de Israel dentre as nações para onde foram, e os reunirei de todas as partes e os trarei de volta à sua própria terra; e farei deles [dos filhos de Israel e dos filhos de Judá] uma nação..., e um só rei [o mashiach] terão, e não serão mais duas nações, nem estarão mais divididos em dois reinos, nem contaminarão mais a si mesmos com seus ídolos, nem com a suas abominações, nem com quaisquer de suas transgressões; em vez disso, Eu os retirarei de todas as moradas onde pecaram e os purificarei... E farei com eles uma aliança de paz, e ela será uma aliança eterna com eles”.
→ Iechezkel (Ezequiel) 37:21-26

Portanto, a meta do Verdadeiro Povo de D’US não é (nunca foi e nunca será) o céu, mas a Terra de Israel.

“Virão a ti [Jerusalém], inclinando-se, os filhos dos que te oprimiram, e prostrar-se-ão ante as plantas dos teus pés todos os que te desprezaram; chamar-te-ão ‘A Cidade de [ADONAI*]’, Tsión do Santíssimo de Israel.”
Ieshaiáhu (Isaías) 60:14

“Canta, ó filha de Tsión! Clama, ó Israel! Alegra-te e regozija-te com todo teu coração, ó filha de Jerusalém! [ADONAI*] removeu tuas culpas e afastou [para sempre] teu inimigo. O Rei de Israel, [ADONAI*], está no meio de ti; não temerás mais o mal! Naquele dia se dirá a Jerusalém: ‘Não temas, ó Tsión, nem te desesperes! [ADONAI*], teu Deus, está no meio de ti! O Todo-Poderoso trará a salvação! Ele se rejubilará com tua alegria, manterá silêncio (quanto aos pecados de teu passado) em Seu amor e Se regozijará contigo em canções de alegria!’ Nessa ocasião vos recolherei de onde estiverdes e vos trarei de volta, e farei com que sejais motivo de louvor e de renome entre todos os povos da terra, porque vos farei regressar de vosso cativeiro ante os olhos de todos – diz [ADONAI*].”
Tsefaniá (Sofonias) 3:14-17, 20

“Assim sabereis que Eu sou [ADONAI*], vosso Deus, que habita Tsión, Meu santo Monte! E Jerusalém será uma cidade santa, pela qual não perambularão estranhos. Judá será para sempre habitada, e Jerusalém, por todas as gerações.”
Ioêl (Joel) 4:17, 20

A Terra de Israel será a Sede do Conhecimento e Devoção de Hashem na Terra. Ela se tornará a Capital Espiritual do mundo, de onde emanará o Conhecimento Verdadeiro e a Devoção Correta de D’US. É por meio destes que o mundo inteiro alcançará finalmente a paz absoluta e definitiva para sempre.

“A palavra de [ADONAI*] dos Exércitos veio [a Zechariá], dizendo: Assim disse [ADONAI*] dos Exércitos: Grande é Meu zelo por Tsión, e por ela incendeia Minha fúria. Assim disse [ADONAI*]: Retornarei a Tsión e habitarei no meio de Jerusalém; e Jerusalém será chamada de ‘Cidade da Verdade’, e a montanha de [ADONAI*] dos Exércitos, ‘Monte Sagrado’. Assim disse [ADONAI*] dos Exércitos: Há de ocorrer ainda, que povos e moradores de muitas cidades virão, falando uns aos outros e dizendo: ‘Apressemos-nos para ir implorar perante [ADONAI*] e buscar [ADONAI*] dos Exércitos! Eu também irei!’ Sim, muitos povos e nações poderosas virão para buscar [ADONAI*] dos Exércitos em Jerusalém e para implorar perante [ADONAI*]! Assim disse [ADONAI*] dos Exércitos: Naqueles dias, 10 homens de diferentes línguas e de todas as nações segurarão a orla das vestes de um judeu, dizendo: ‘Iremos contigo, porque sabemos que Deus está contigo!’”
“Eis que para ti [filha de Tsión e filha de Jerusalém] se encaminha teu justo rei [mashiach... . Eu, Deus,] destruirei qualquer carruagem de guerra... e eliminarei todo cavalo de combate de Jerusalém; será destruído o arco de batalha, e ele [mashiach] falará somente de paz às nações. Seu domínio se estenderá de um mar a outro, e desde o rio (Eufrates) até os confins da terra.”
Zechariá (Zacarias) 8:1-3, 20-23; 9:9, 10

“Palavras proféticas pronunciadas por Isaías ben Amóts, a respeito de Judá e Jerusalém. E ocorrerá no fim dos dias, que [ao] Monte da Casa de [ADONAI*]... afluirão todas as nações. A ele irão muitos povos e dirão: ‘Vinde e ascenderemos à montanha de [ADONAI*], à Casa do Deus de Jacob! Ele nos ensinará Seus caminhos [através do mashiach] e por eles seguiremos, pois de Tsión virá o ensinamento da Torá e de Jerusalém a palavra de [ADONAI*]!’ Ele orientará as causas entre as nações e estabelecerá Suas decisões entre muitos povos. Converterão então suas espadas em arados e suas lanças em foices. E cada nação não levantará contra outra sua espada, e não mais aprenderão a arte da guerra.”
“Um rebento [o mashiach] sairá do tronco de Ishai [Jessé] e um ramo de suas raízes brotará. E sobre ele pousará o espírito de [ADONAI*], espírito de sabedoria e de compreensão, de capacidade de aconselhamento e de fortaleza, de conhecimento e de temor a [ADONAI*]. Não causarão dano e nada destruirão em Meu santo Monte, porque a terra estará repleta do conhecimento de [ADONAI*], como as águas cobrem o mar.”
Ieshaiáhu (Isaías) 2:1-4; 11:1, 2, 9

“Será, então, que chamarão Jerusalém de trono de [ADONAI*], e a ela virão todas as nações para se unirem ao nome de [ADONAI*], em Jerusalém; e não mais se deixarão dominar pela teimosia de seus corações perversos.”
Irmiáhu (Jeremias) 3:17

E será também através do Conhecimento e Devoção de Hashem, enquanto estiver preenchendo toda a Terra, que o pecado estará sendo reduzido, até desaparecer por completo (se o mashiach tivesse que morrer, sua morte não acabaria com o pecado, pois é exatamente estando vivo, que ele conduzirá a Humanidade ao Conhecimento e Devoção de D’US).

“Assim disse [ADONAI*] que tudo faz acontecer; [ADONAI*] que tudo cria e determina - [ADONAI*] é o Seu Nome. Eis que lhe trarei cura e recuperação, hei de curar seus habitantes e revelar-lhes a abundância da paz e a serenidade da verdade. Farei retornar os [dispersos] de Judá e de Israel, e os restaurarei como no passado. Hei de purificá-los de toda a iniquidade que praticaram, pecando contra Mim, e os perdoarei por seus pecados e por suas transgressões contra Mim. E isto será para Mim um renome que significará regozijo, louvor e glória, e assim será também para todas as nações da terra que tomarem conhecimento de todo o bem que lhes fiz, e estremecerão ante a dimensão deste bem e da paz que lhe (a Jerusalém) proporcionarei. Aproximam-se os dias [da vinda de mashiach] – diz [ADONAI*] – em que tornarei realidade a boa palavra que pronunciei em relação à Casa de Israel e à Casa de Judá. Naqueles dias, nesta época, farei com que da semente de David brote um rebento pleno de retidão, que saberá praticar justiça e retidão nesta terra. Naqueles dias, Judá será redimida e Jerusalém viverá em segurança, e o nome pelo qual ela (Jerusalém) será chamada significará ‘[ADONAI*] é nossa retidão’.”
Irmiáhu (Jeremias) 33:2, 6-9, 14-16

“[Na vinda do mashiach, Eu, Deus,] vos [à Casa de Israel] buscarei dentre todas as nações, vos recolherei de todos os países e vos trarei à vossa terra. Então aspergirei sobre vós água limpa, e sereis purificados de todas as vossas impurezas, e de todas as vossas impurezas e idolatrias Eu vos purificarei. ... Porei em vós o Meu espírito, e farei com que saibais seguir Meus estatutos e cumprir Meus juízos. Vivereis na terra que dei a vossos pais;... Sereis purgados de todas as vossas contaminações”.
Iechezkel (Ezequiel) 36:24-29

Na Era Messiânica não haverá mais o mal. A maldade terá desaparecido para sempre. Todos aprenderão e praticarão somente o bem. Não existirá mais o iníquo.

“Até os confins da terra ecoa o ruído [divino], porque [ADONAI*] tem uma controvérsia com todas as nações e um julgamento contra toda a carne; quanto aos ímpios, já os entregou à espada – diz [ADONAI*]. Assim disse [ADONAI*] dos Exércitos: O mal irá de uma nação para outra, e uma grande tormenta se desencadeará dos mais remotos confins da terra. E os que forem abatidos por [ADONAI*] se estenderão neste dia de um extremo a outro da terra; não serão lamentados, nem reunidos, nem sepultados; serão como esterco sobre a face da terra.”
“Eis que estou contra ti, ó iníquo – diz [ADONAI*], o Deus dos Exércitos – pois chegou teu dia, o tempo da tua punição. Os iníquos cambalearão e cairão, e não haverá quem os erga; atearei fogo em suas cidades e ele consumirá todos à sua volta.”
Iechezkel (Ezequiel) 25:31-33; 50:31, 32

“Nações se encaminharão para a tua luz [de Jerusalém], e os reis para o brilho do teu resplendor. Pois a nação e o reino que não te servirem perecerão; estas nações serão de todo arruinadas.”
Ieshaiáhu (Isaías) 60:3, 12; cf. 34:1-3, 8

“[ADONAI*] julgará os povos;... Faz chegar ao fim o mal dos ímpios, e dá firmeza ao justo, Tu que perscrutas as emoções e pensamentos de cada um, ó Deus justo. O perverso concebe iniquidade, fecunda maldade e gera falsidade; sobre sua própria cabeça recairá sua iniquidade, e sobre seu crânio sua violência.”
Tehilim (Salmos) 7:9, 10, 15, 17

“Destruíste povos malévolos e condenaste os ímpios; seus nomes apagaste para todo o sempre. Exterminado foi o inimigo, só ruínas restaram; as cidades destruíste e toda sua lembrança pereceu. Ele [Deus] julgará o mundo com retidão, sentenciará os povos com equidade. Caíram os povos no fosso que fizeram; na rede que estenderam, seu próprio pé ficou preso. [ADONAI*] tornou-Se conhecido, Ele executou a sentença; através de suas próprias mãos, o perverso foi golpeado. Refleti sobre isso. Os ímpios voltarão ao abismo, assim como todos os povos que de [ADONAI*] se olvidam. Levanta-Te, [ADONAI*], para que não prevaleça o malévolo; e sejam por Ti julgados todos os povos.”
→ 9:6, 7, 9, 16-18, 20

“[ADONAI*] reina e reinará para todo o sempre, enquanto exterminados foram os povos que contra Ele se rebelaram.”
→ 10:16

“Tua mão [de Deus] descerá sobre todos os Teus adversários; sim, Tua destra todos eles alcançará. Tu os tornas brasas de uma fornalha incandescente com Tua ira; Tu os destróis, consumidos pelas chamas. Apagas seus descendentes de sobre a terra, sua memória do convívio dos homens.”
→ 21:9-11

“Não me associes aos malévolos e aos iníquos, que... têm maldade no coração. Responde-lhes conforme seus atos e de acordo com a maldade das suas atitudes; retribuí na medida de suas ações, e fá-los receber o que merecem. ... [ADONAI*]... os destruirá e não mais se reerguerão.”
→ 28:3-5

“Saiba que os perversos serão abatidos, mas os que esperam em [ADONAI*], eles herdarão a terra. ... não haverá mais ímpios... Os humildes herdarão a terra e deleitar-se-ão com a paz completa. Os ímpios perecerão e os inimigos de [ADONAI*] murcharão como a relva passageira, e se esvanecerão como a fumaça. Os Seus abençoados herdarão a terra, e os que Ele amaldiçoar perecerão. Os justos herdarão a terra e habitarão para sempre. Os transgressores, porém, serão todos aniquilados e o seu futuro não existirá.”
→ 37:9-11, 20, 22, 29, 38

“Preferiste o mal ao bem, a mentira à verdade. Por isto Deus te destruirá para sempre, te arrancará de tua tenda e te desarraigará da terra onde vives. Os justos assistirão e os temerosos a Deus dirão: ‘Eis o homem que... se fortalece na sua maldade.’”
→ 52:5-9

“Mesmo que [agora] brotem como erva os iníquos e floresçam os malévolos, eles serão, para sempre, destruídos. Teus inimigos, ó [ADONAI*], perecerão,... todos os que praticam iniquidades.”
→ 92:8, 10

“Quanto aos pecadores, eles desaparecerão da terra e não mais existirão iníquos.”
→ 104:35

“[Deus...] certamente destruirá os malévolos.”
→ 145:20

Quanto a questão da Ressurreição, se para o Povo de D’US a vinda do mashiach não está conectada com nenhuma ida para o céu, isso só pode significar que o retorno à vida se dará aqui mesmo na Terra (mesmo os ressuscitados judeus serão todos reunidos na Terra de Israel, junto aos que já estavam vivos: “Assim disse [ADONAI*] Deus: Eis que abrirei os vossos sepulcros e vos tirarei de vossos sepulcros, ó povo Meu, e vos trarei à terra de Israel! E sabereis que Eu sou [ADONAI*] quando tiver aberto as vossas tumbas e vos tiver feito sair dos vossos sepulcros, ó povo Meu! Porei em vós o Meu espírito e vivereis, e vos porei na vossa própria terra; e sabereis que Eu, [ADONAI*], assim determinei e farei cumprir! – diz [ADONAI*].” – Iechezkel (Ezequiel) 37:12-14. Certamente que no céu não existe "sepulcro" e nem “terra de Israel”).
A morte existe aqui na Terra e só pode ser aqui na Terra que ela será destruída, e do mesmo modo, os mortos só existem aqui na Terra e só pode ser aqui na Terra que serão ressuscitados (Ieshaiáhu [Isaías] 25:8; 26:19). Veja o tópico:


Bíblia Hebraica por David Gorodovits e Jairo Fridlin, Editora & Livraria Sêfer.

* Ocorrências do "NOME" (na verdade, da REFERÊNCIA ou ALUSÃO) DO AQUILO INFINITO. ESTE "NOME" é cognominado de “Tetragrama”, “que tem quatro letras”. Estas letras são Y, H, V, H. ESTE "NOME" ocorre 6.823 vezes no hebraico da bíblia Judaica ou Tanach. É necessário saber que não devemos dizer ESTE "NOME", pronunciando-o como escrito. ESTE "NOME" tem de ser pronunciado (na leitura bíblica e de rezas) como ADONAI (= MEU MESTRE). Quando nos referimos ao AQUILO INFINITO pelo Seu "NOME" (REFERÊNCIA/ALUSÃO) Particular (fora da leitura bíblica e de rezas), O chamamos HASHEM (= O NOME).