É O JUDEU (e não o não-judeu) QUEM DEFINE O QUE É JUDEU E QUEM É JUDEU.

É O JUDEU (e não o não-judeu) QUEM DEFINE O QUE É JUDEU E QUEM É JUDEU.
OS JUDEUS SÃO OS QUE SABEM QUEM É JUDEU E QUEM NÃO O É.
É O JUDEU (e não o não-judeu) QUEM DEFINE O QUE É JUDEU E QUEM É JUDEU.

http://www.pt.chabad.org/library/article_cdo/aid/1216626/jewish/Quem-Judeu.htm


______________________________________________________________________________


[Blog (todo) revisado em 17/10/13.]

"[Em breve,] toda a Terra estará repleta do conhecimento de HASHEM, assim como as águas cobrem o mar."
- Ieshaiáhu (Livro Judaico do Profeta Judeu Isaías) 11:9

A vida é um aprendizado para todos, sem exceção, sempre, e para sempre. E se aprende ou pelo amor ou pela dor.
- O Blog

"O judaísmo identifica-se como um ato de D-us na história da humanidade."
- Herman Wouk

"Os 10 Mandamentos foram uma revelação única na história da humanidade. [Ela foi] ouvida por todo o povo judeu (aproximadamente 3 milhões de pessoas) aos pés do Monte Sinai ... . Israel é o povo que revela a vontade de D-us. Tem por tarefa e objetivo ser o coração da humanidade, uma fonte de vida espiritual para os outros povos."
- Raphael Shammaho

"Feliz é a nação cujo D-us é HASHEM, o povo que 'ELE' escolheu para Sua propriedade. Pois D-us escolheu Yaacov para SI, Israel como Seu tesouro. Feliz é o povo cujo D-us é HASHEM."
- Tehilim (Livro Judaico dos Salmos) 33:12; 135:4; 144:15

"Envia Tua luz e Tua verdade, que elas me conduzam; elas me trarão ao monte do Teu Santuário [o Judaísmo] e às Tuas moradas [os judeus]. Então ... eu Te louvarei ..., ó D-us, meu D-us!"
- Tehilim (Livro Judaico dos Salmos) 43:3, 4

domingo, 7 de novembro de 2010

As Verdadeiras Testemunhas de D’us

A instituição religiosa representada pela Associação Torre de Vigia de Bíblias e Tratados (Torrevigianismo) se proclama testemunhas de jeová, querendo dizer assim que são as únicas verdadeiras testemunhas de D’us, e para isso se utilizam do texto do profeta Ieshaiáhu (Isaías), capítulo 43, versículo 10. Trata o profeta Ieshaiáhu (Isaías) realmente de uma religião, a torrevigiana? A resposta a esta pergunta se encontra no próprio contexto, como segue:

“Mas agora, assim diz [ADONAI*] que te criou, ó [filhos de] Jacob, e que te formou, ó [povo de] Israel: Não temas, porque te redimi; por teu nome te chamei, a ti que és Meu. Vós sois as Minhas testemunhas − diz [ADONAI*] − Meus servos a quem escolhi, para que possais saber, acreditar e compreender que Eu sou [ADONAI*]. ... Somente Eu sou [ADONAI*], e outro salvador não existe, além de Mim. Eu anunciei (que o faria) e vos salvei, como havia dito;... . Vós sois Minhas testemunhas − diz [ADONAI*] − e Eu sou vosso Deus! Eu sou [ADONAI*], vosso Santíssimo, o Criador [do povo] de Israel, vosso Rei. Assim disse [ADONAI*], que criou um caminho através do mar e estabeleceu uma trajetória por entre as águas impetuosas, (na libertação do Egito) que fez nele entrar os carros e seus cavalos, o exército e todo o seu poder, que agora jazem juntos e que nunca mais se reerguerão, pois estão destruídos como um pavio queimado: Acaso não recordais estas coisas, nem considerais o que já se passou? Contudo, ouve agora, ó [filhos de] Jacob, Meu[s] servo[s]; ó [povo de] Israel, a quem escolhi. Assim disse [ADONAI*], que desde o início te criou, que sempre proverá tua ajuda: Não temas, ó [filhos de] Jacob, Meu[s] servo[s], ó [povo de] Ieshurun, a quem escolhi. Assim disse [ADONAI*], o Rei [do povo] de Israel e seu redentor, [ADONAI*] dos Exércitos: Eu sou o primeiro e Eu sou o último, e não existe Deus além de Mim! Quem como Eu poderia proclamar − que o faça, se puder − tudo que foi feito desde que este povo antigo [de Israel] escolhi, e tudo que ainda haverá de acontecer? Não vos assusteis nem temais; não vos anunciei e vos fiz conhecer desde aquele tempo? Vós sois as Minhas testemunhas!... Lembra-te destas coisas, ó [filhos de] Jacob, porque tu és o Meu servo, ó [povo de] Israel! Eu te formei para ser o Meu servo; não Me esqueças, ó [povo de] Israel.”
Ieshaiáhu (Isaías) 43:1, 10 ao 12, 15 ao 18; 44:1, 2, 6 ao 8, 21

Como está evidente no contexto, o profeta Ieshaiáhu (Isaías) só pode estar querendo dizer aquilo que está dizendo, ele está tratando como testemunhas de HASHEM aos filhos de Jacob, o povo de Israel, os judeus, e não os torrevigianistas.

Quero Saber: Histórias de Religião e Fé; tradução de Constantino Kouzmin-Korovaeff; Editora Escala; 2009, explica corretamente sobre os judeus:
Ao ser resgatado do cativeiro dos egípcios, “o povo de Israel foi, assim, encarregado de uma tarefa específica. Iria agora prestar testemunho da existência e da ação de Deus e de seus ensinamentos. Deveria amar a Deus com todas as suas forças e permanecer fiel a ele.” (O grifo é nosso.) − Página 32.

Bíblia Hebraica por David Gorodovits e Jairo Fridlin, Editora & Livraria Sêfer.

* Ocorrências do "NOME" (na verdade, da REFERÊNCIA ou ALUSÃO) DO AQUILO INFINITO. ESTE "NOME" é cognominado de “Tetragrama”, “que tem quatro letras”. Estas letras são Y, H, V, H. ESTE "NOME" ocorre 6.823 vezes no hebraico da bíblia Judaica ou Tanach. É necessário saber que não devemos dizer ESTE "NOME", pronunciando-o como escrito. ESTE "NOME" tem de ser pronunciado (na leitura bíblica e de rezas) como ADONAI (= MEU MESTRE). Quando nos referimos ao AQUILO INFINITO pelo Seu "NOME" (REFERÊNCIA/ALUSÃO) Particular (fora da leitura bíblica e de rezas), O chamamos HASHEM (= O NOME).